Histórias de uma portuga em movimento.
09
Out 08
publicado por parislasvegas, às 21:28link do post | comentar

 O Kiko já come de tudo, almoça e janta normalmente connosco (por indicação do pediatra) para além das restantes refeições de bebé que ainda continua a fazer.

 

Não gosta muito de fruta nem de sopa, tornou-se muito difícil dar-lhe vegetais, a única maneira de conseguir a proeza é misturá-los no arroz ou na massa. Em compensação come quilos de peixe!

 

Já anda, corre e etc. Tem a mania pouco saudável de fechar os olhos quando vê que vai cair ou chocar com algo. Não dá muito jeito...

 

Adora fazer puzzles e "ler" livros, gosta muito de carros, motas e de histórias. Percebe bastante bem português e razoavelmente inglês. Descobri a babysitter fala com ele por sons e não com palavras o que é péssimo. Estou farta de lhe dizer para lhe falar como a uma pessoa normal e não como se o puto fosse um bicho de estimação, mas está difícil. Contrariando tudo em que acredito, comecei a falar.lhe em inglês, esporadicamente, só para o miúdo não se desorientar quando começar a creche.

 

A creche está a ser um quebra-cabeças, já deveria ter começado, mas a francesa só o aceita em Janeiro e eu não queria ser obrigada a pô-lo no ensino inglês para depois no próximo ano mudá-lo para o francês.

 

No caso de estarem aí a pensar que isto são mas é manias, gostava de esclarecer que aqui o ensino é grego, língua que ainda não domino (mas isto vai lá...). Como tal, não conseguirei comunicar com as educadoras do bebé, e não conseguirei comunicar com o Kiko quando ele me chegar a casa a falar grego. A insistência no ensino francês tem duas razões - a primeira é que eu penso que ele é simplesmente muito melhor do que o inglês, a segunda é que é muito mais barato.  E perguntam vocês "mas porque não o ensino português?". Bom, porque não existe aqui, nem em 99% das capitais mundiais e só os Deuses sabem onde estaremos daqui a uns anos. Convém pois ter um plano educativo que não obrigue o Kiko a mudar de língua de estudo a cada 3 anos, pois já basta o stress de mudar de amigos, de escola e de país a todo o instante. Nós escolhemos esta vida, mas ele não tem culpa.

 

Entretanto as capacidades linguísticas têm melhorado bastante.

 

Já diz bola (ból), olha (geralmente  até é óia, óia!!), bó (tanto avó como avô), ninó (menino ou menina), mán (mano ou mana), iá tá e não há (um há). Depois (graças à babysitter) diz uma série de sons em vez de usar palavras: brum brum para carro e mota, miau para gato ou pst pst (chamar o gato), au au para os cães e mnhã mnhã (serve para comida, bebida e chucha) e claro, diz claramente mamá e dêdá (daddy).  A única palavra que ele pronuncia em bom português é NÃO, com a variante NO se estiver a falar com a babysitter. Isto promete...

tags: ,

Que bom, o nosso menino está tão crescido. Já se sabia que a lingua é que ia ser mais complicado... a ouvir tantas diferentes desde que nasceu... Mas ele vai lá, vais ver. Acho que fazes muito bem em esperar pela creche francesa, porque se o pões agora no inglês e depois passa para o francês é que era o granel total!!
Beijocas.
D. a 10 de Outubro de 2008 às 10:27

Tens é de deixar o puto comigo quinze dias. Depois vais de férias com o Xano. Vais ver como ele fala bem português quando cá chegarem...A minha filha, agora na creche só me faz passar vergonhas, alem de pedir um chino para comer (isso da colherinha só é para bebés, ela quer garfo e faca) anda a politizar os outros putos todos e pediu à educadora para contar a historia da Catarina Eufémia e da Passionária...
Deixa cá o puto.
(porra é domingo à noite e na quinta-feira á tarde fiquei de ligar à tua mãe... esqueci me!!!)
beijos
Riki a 12 de Outubro de 2008 às 22:20

mais sobre mim
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO