Histórias de uma portuga em movimento.
19
Dez 07
publicado por parislasvegas, às 16:05link do post
Este blogue tem andado muito parado. A semana passada tivemos mais que fazer: com amigos cá em casa, nada mais estúpido do que "perder" tempo a escrever no blogue.

Esta semana tem-se andado sem inspiração. A minha vida têm sido os preparativos para o Natal e para adaptar a casa a receber 12 pessoas durante uma semana. Fora disso, tenho andado especialmente interessada no que se passa no Kosovo, na Rússia e na faixa de Gaza. E, já se sabe, isto são coisas que não interessam a ninguém por isso não vale a pena estar com exercícios  estéreis de escrita.

Apercebi-me de que agora tenho mais trabalho do que o que tinha quando estava no escritório. Tenho de ver se encontro um emprego para descansar. Para já, não me deixei de interessar pelas coisas que sempre estudei, o que faz com que passe algumas horas do meu dia ocupada com isso, depois ponho a mesma energia (para alguns a mesma paranóia) na casa, tal como punha nos meus papéis. Não posso é parar, isso iria acabar comigo.

Esperava deparar-me com um Natal ortodoxo, tradicional, cheio de coisas diferentes do nosso, mas aqui vejo o mesmo consumismo e a mesma doença do presentes. Por causa dessas e doutras a família decidiu que este ano só as crianças é que têm direito a presentes: os adultos têm que fazer aquilo que às vezes se esquecem durante o resto do ano: passar tempo juntos, escutar-se. Esses são os melhores presentes.

Isto não isenta o meu marido de me oferecer qualquer coisa, se ele quiser, de preferência com diamantes.

Nunca disse que era diferente dos outros...


O Kiko vai bem. Fez cinco meses e quebrei a tradição de postar aqui a foto do dia. Paciência, faz-se para o mês que vem. Está comilão e bem-disposto e um bocadinho entupido. É um trabalho a tempo inteiro. O que vale é que ele é um bebé muito fácil.

Eu continuo gorda. Janeiro é mês de ginásio e não se fala mais neste assunto. Estou farta de me lamentar sem poder fazer nada para melhorar a situação. Mas com a mudança de país, sem conhecer a cidade, sem ninguém para ficar com o Kiko, não deu para fazer exercício. Em Janeiro vou, nem que tenha de ir com Kiko atrás aos berros. Quero voltar a reconhecer a rapariga do espelho. O excesso de peso está a minar a minha tradicional auto-confiança e a deixar-me com um humor de cão.




De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
20
21
22

23
24
27
29

30
31


arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


2004:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO